A história da mulher de Ló é mencionada no livro de Gênesis, capítulo 19. Ela é mencionada como sendo a esposa de Ló, que foi um dos sobrinhos de Abraão. Ló e sua família viviam em Sodoma, uma cidade muito má e pecaminosa.

De acordo com a história, Deus decidiu destruir Sodoma e Gomorra devido à maldade das pessoas que viviam nestas cidades. Deus enviou dois anjos para avisar Ló e sua família para que eles saíram-se da cidade antes da destruição. Ló, sua esposa e as duas filhas deles saíram da cidade, mas a esposa de Ló olhou para trás, desobedecendo as instruções dos anjos de não olhar para trás.

Como resultado, a esposa de Ló se transformou em uma estátua de sal. A história é interpretada como uma coroa sobre as consequências de desobedecer a Deus e de não levar a sério as suas coroas. Alguns interpretam como uma forma de punição pela curiosidade em ver o fim da cidade, outros interpretam como uma forma de punição pela sua relutância em deixar a cidade onde vivia.

Compre sua Bíblia de estudos

Essa história também é um exemplo de como o pecado pode afetar não só as pessoas que cometem o pecado, mas também aquelas que estão próximas delas. A esposa de Ló foi punida por sua desobediência, mas sua punição afetou também seu marido e suas filhas.

É importante lembrar que essa história faz parte da literatura da Bíblia, e como tal deve ser interpretada de acordo com a teologia e a tradição da sua fé. Algumas religiões e correntes teológicas aceitam diferentes da história.

A genealogia da familia de Ló

A genealogia da família de Ló é mencionada no Livro de Gênesis, capítulo 11, versículos 27-32:

Tera gerou a Abram, Nacor e Harã; e Harã gerou a Lot. E morreu Harã, pai de Lot, na presença de seu pai Tera, na terra da sua nascente, na terra de Ur dos caldeus. E Abram e Nacor tomaram para si mulheres: o nome da mulher de Abram era Sarai, e o nome da mulher de Nacor era Milcá. Ela era filha de Harã, pai de Milcá e de Iscá. E Sarai era estéril; não tinha filho. 31 E Tera tomou Abrão, seu filho, e Lot, filho de Harã, filho de seu filho, e Sarai, sua nora, mulher de seu filho Abrão, e os levaram da terra de Ur dos caldeus, para ir à terra de Canaã; e chegaram até Harã e habitaram ali. 32 E os dias de Tera foram de 205 anos; e morreu Tera, na presença de seu filho Abrão, na terra de Canaã.

De acordo com esses versículos, Ló era filho de Harã, que por sua vez era filho de Tera, o pai de Abraão. Ló é mencionado como sendo irmão de Nacor e sobrinho de Abraão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima