A Segunda Vinda de Jesus Cristo

A escatologia cristã é um campo teológico que se dedica ao estudo das últimas coisas, incluindo a Segunda Vinda de Jesus Cristo. Ao longo dos séculos, cristãos têm aguardado com grande expectativa o retorno glorioso de seu Salvador, conforme mencionado nas Escrituras Sagradas. A Bíblia contém inúmeras profecias que apontam para eventos que precederão a volta de Jesus, e é fascinante observar como essas profecias se alinham com os fatos atuais. Neste estudo, examinaremos alguns desses sinais proféticos e como eles se manifestam em nosso tempo.

A Segunda Vinda de Jesus Cristo é um tema central na teologia cristã, sendo objeto de muita especulação e estudo ao longo dos séculos. A promessa da volta de Jesus está enraizada nas Escrituras Sagradas, onde encontramos várias referências que apontam para sinais e eventos que precederão esse glorioso evento. Neste estudo, examinaremos alguns desses sinais proféticos presentes em nosso tempo, à luz das escrituras.

A palavra de Deus nos ensina em Mateus 24:3-14: “E, estando assentado no Monte das Oliveiras, chegaram-se a ele os seus discípulos em particular, dizendo: Dize-nos, quando serão essas coisas, e que sinal haverá da tua vinda e do fim do mundo? E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane; porque muitos virão em meu nome, dizendo: eu sou o Cristo; e enganarão a muitos. E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assustei; porque é necessário que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá pestes, e fomes, e terremotos, em diversos lugares. Mas todas essas coisas são o princípio de dores. Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão. E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo. E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim”.

Ao examinar os eventos mundiais atuais, podemos identificar uma série de sinais proféticos descritos por Jesus. Uma das características notáveis é o surgimento de falsos profetas e falsos messias, que afirmam ser o Cristo ou enganam as pessoas com ensinamentos distorcidos. Além disso, a ocorrência de guerras e conflitos em várias partes do mundo é um sinal mencionado por Jesus.

O aumento da violência, perseguição e ódio contra os seguidores de Cristo também se alinha com a profecia. Vemos cristãos sendo alvo de discriminação e ataques em diversas nações, cumprindo a palavra de Jesus de que seriam odiados devido ao Seu nome.

Outro sinal profético mencionado é o surgimento de pestes e fomes. Nos últimos anos, testemunhamos a propagação de doenças globais, como a pandemia do COVID-19, que causou sofrimento e morte em todo o mundo. Além disso, a fome persiste em muitas regiões, afetando milhões de pessoas.

Além desses sinais mencionados por Jesus, é importante destacar o cumprimento da profecia sobre a disseminação do evangelho em todo o mundo. Hoje, podemos testemunhar o alcance global do evangelho por meio da tecnologia, com a possibilidade de compartilhar a mensagem de Cristo em diversos idiomas e alcançar comunidades remotas.

Conclusão

Diante desses sinais proféticos, devemos estar vigilantes e preparados para a volta de Jesus. Embora ninguém saiba o dia nem a hora, podemos discernir os tempos através das escrituras e dos eventos ao nosso redor. Este é um momento de reflexão e busca de uma vida de fé e retidão, esperando com alegria a promessa da vinda gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

Embora ninguém saiba o dia nem a hora da Segunda Vinda de Jesus Cristo (Mateus 24:36), a Bíblia nos fornece sinais proféticos que nos alertam sobre a proximidade desse evento. Ao observar a iniquidade crescente, os conflitos mundiais, os desastres naturais, os avanços tecnológicos e o interesse renovado nas profecias, podemos discernir os tempos em que vivemos. Esses sinais nos convidam a permanecer vigilantes, a compartilhar o Evangelho e a viver vidas piedosas, aguardando com esperança a gloriosa volta do nosso Senhor Jesus Cristo. Que possamos estar preparados para esse dia, confiando nas promessas de Deus e buscando viver em conformidade com a Sua vontade.

Que possamos estar preparados e atentos aos sinais proféticos enquanto vivemos em expectativa pela volta do nosso Salvador, e que nosso coração esteja firme na fé e no amor, aguardando o cumprimento das promessas divinas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima